terça-feira, 9 de agosto de 2011

Em breve...

É anunciada como o último paraíso do Mediterrâneo. 
Júlio Verne referiu-se a um dos seus cabos como o “local onde o mundo acaba”. 
Ambas as concepções me parecem honestas e, caso o mundo realmente ali se encerrasse, felizes dos condenados àquele território soalheiro, de praias de sonho e natureza selvagem. 
Formentera, a mais pequena ilha balear, que, indiferente à abertura da irmã maior, Ibiza, ao 
turismo de massas, teima em preservar o seu delicado equilíbrio ecológico, afirmando-se como o destino ideal para quem aprecia o contacto estreito com a natureza.

Sem comentários:

Enviar um comentário